Conselho de Radiologia inaugura nova sede própria, ampla e moderna em Brasília

Conselho de Radiologia inaugura nova sede própria, ampla e moderna em Brasília

17/10/2019

Quando começou a funcionar, em 1987, o Conselho Nacional de Técnicos e Tecnólogos em Radiologia (CONTER) usava uma pequena sala emprestada na capital federal. Faltava tudo, mas sobrava coragem e disposição entre os pioneiros, que estavam empenhados em consolidar a instituição. Os registros históricos mostram que os primeiros conselheiros e conselheiras tiravam dinheiro do próprio bolso para financiar as atividades e, somente após efetuar os primeiros milhares de registros profissionais, foi possível adquirir o primeiro telefone, contratar os primeiros servidores e alugar um espaço mais digno para trabalhar.
O tempo passou. Em 1999, o CONTER deu um salto de desenvolvimento e alugou algumas salas para instalar a sede nacional em um grande edifício no centro da capital federal, chamado Brasília Radiocenter. Na medida em que a instituição crescia e contratava mais gente para dar conta do trabalho, a diretoria executiva dividia o espaço, alugava ou adquiria mais salas no mesmo prédio para acomodar o pessoal. Passaram-se 20 anos, a instituição ganhou corpo, precisava de estrutura e não teve mais jeito: sem salas para comprar ou alugar no mesmo edifício, sem espaço para colocar novos servidores, tinha chegado a hora de encontrar uma nova casa, com infraestrutura para melhorar a prestação de serviços à sociedade.

Após um ano de estudos, simulações de crédito e planejamento estratégico, a diretoria executiva do CONTER realizou a operação e adquiriu a sonhada e necessária sede própria, com 800 metros quadrados, 21 salas, auditório, estúdio e toda a infraestrutura necessária para o funcionamento pleno da instituição. Na noite da última terça-feira (15), a nova casa foi inaugurada pelo 7º Corpo de Conselheiros do CONTER, em cerimônia transmitida ao vivo pelas redes sociais da autarquia. A exibição foi acompanhada por 1.400 expectadores.

Após o descerramento da faixa de inauguração, o presidente do CONTER Manoel Benedito Viana Santos fez discurso que denota a importância do momento. “Hoje é um dia inesquecível, que vai ficar marcado para sempre na história da instituição. Vemos germinar a semente mais importante que plantamos ao longo de nossa gestão. Solenemente, inauguramos e ocupamos oficialmente as novas instalações do CONTER. Espero que, daqui em diante, os alicerces que fundamos permitam construções ainda mais edificantes para a instituição e para a categoria. É necessário pensar grande e ousar realizar, sem medo das críticas e do pessimismo.”, frisou.

Convidado de honra, o primeiro presidente da instituição, Jenner de Morais, lembrou do trabalho de seus pares que foram relevantes para alcançar essa conquista. “Faço parte do grupo que instalou a instituição e, a eles, reporto minhas considerações. Meu sucessor, Fernando Gerber, tomou a iniciativa de criar os símbolos da profissão, que foram determinantes para afirmar nossa identidade. Depois dele, é destacável o trabalho de Valdelice Teodoro, a presidente que deu estabilidade financeira, alcance e projeção para a instituição em nível nacional”, pontuou.

Diretor-secretário do CONTER, Adriano Célio Dias declarou que sente orgulho de fazer parte da equipe que transformou o projeto da sede própria em realidade. “Quando decidi me candidatar para ser conselheiro, disse que meu objetivo era devolver tudo o que a profissão já tinha me dado. Hoje, o resultado do trabalho mostra que alcançamos esse objetivo”, considera.

“Escrevemos o nosso nome na história da instituição, junto com aqueles que, desde 1987, trabalham para construir um conselho forte, ativo e respeitado, capaz de orientar, normatizar e fiscalizar o exercício das técnicas radiológicas em todo o território nacional, de modo a garantir a segurança e a proteção radiológica de profissionais, pacientes e do público em geral”, finaliza o diretor-tesoureiro do CONTER, Abel dos Santos.

Leave a Reply

Your email address will not be published.